Cientistas católicos propõem cooperação e prática científica à luz da Amizade Social e do Humanismo Cristão

Congresso de Humanismo Solidário na Ciência reúne mais de 300 mestres e doutores das nove áreas da CAPES. 

A partir das provocações da Encíclica Fratelli Tutti do Papa Francisco, profissionais da ciência  participaram do  II Congresso Brasileiro de Humanismo Solidário na Ciência e I International Congress of Solidary Humanism at Science, evento organizado pela Sociedade Brasileira de Cientistas Católicos (SBCC), em parceria com o Setor Universidades (CNBB), Ministério Universidades Renovadas (RCC), Universidade Católica de Salvador (UCSal) e a  Universidade Pontifícia Bolivariana (UPB) – Colômbia. O evento aconteceu entre os dias 11 e 13 de novembro, no formato virtual. 

Grande foi a adesão dos cientistas católicos ao evento.  De acordo com o  Comitê Científico da SBCC, através da Profª Drª Sumaia Midlej Pimentel, foram 34 trabalhos de 70 autores, 09 horas de apresentação, 40 Instituições de Educação Superior, 28 palestrantes de 05 países e, aproximadamente,  300 participantes, mestres e doutores. Os participantes apresentaram o resultado de trabalhos das nove áreas da CAPES, inspirados no humanismo cristão solidário, que consiste na reflexão e promoção da pessoa humana à luz da fé cristã. Na cerimônia de abertura, D. João Justino, presidente da Comissão Episcopal Pastoral para Cultura e Educação, citou que as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora vigentes, no número 196, reconhecem o mundo das ciências como campo da ação missionária da Igreja.     

Ao longo do evento, os temas das palestras plenárias, minicursos e as mesas temáticas ecoavam a Doutrina Social da Igreja versus urgências da sociedade, a partir do viés humanista solidário cristão. Sob este prisma foram realizadas as conferências:   “Um coração aberto ao mundo inteiro”: fazer ciência à luz da amizade social;  “Para educar uma criança é preciso uma aldeia inteira”: a experiência do ensino e a prática científica sob a inspiração do Pacto Educativo Global, entre outras.

Acerca da proposta do congresso, o Prof. Dr. Everthon de Souza Oliveira (CEFET/MG), presidente da SBCC refletiu sobre o papel da solidariedade na sociedade afirmando que “a solidariedade na Ciência não pode ser realizada num ambiente de relativismo, mas também não pode ser realizada num ambiente de intolerância”. A busca da verdade deve partir da compreensão integral do ser humano, apresentada no humanismo cristão, e que isso implica em uma ciência construída sobre os valores éticos. Por outro lado, essa busca deve nos abrir a outras realidades e reconhecer a interdependência que nos afeta a todos. o Prof. Everthon destacou ainda que o diálogo e amizade social são essenciais para enfrentar os novos desafios que se colocam à humanidade” 

Esta segunda edição nacional e primeira internacional do Congresso de Humanismo Solidário ainda contou com a participação de dois membros de Academias Pontifícias, quais sejam, o Prof. Dr. Pe. Aníbal Gil Lopes (Unicastelo), membro da Pontifícia Academia Pro Vita do Vaticano e o Prof. Dr. Vanderlei Salvador Bagnato (USP) da Academia Pontifícia de Ciências do Vaticano. Na oportunidade, o Prof. Dr. Vanderlei Bagnato disse que, como cientista e católico, considera ser essencial desenvolver respostas científicas com responsabilidade social. O Prof. Dr. Pe. Aníbal Gil Lopes, por sua vez, registrou que é preciso fazer a leitura do mundo, a partir do olhar do outro, fomentando o diálogo humanista com outros saberes, e acreditando que o conhecimento acadêmico pode ser usufruído pela sociedade de forma transformadora. 

Ao final do evento, foi lançada a Revista Científica da SBCC:  Pesquisa em Humanismo Solidário. O Prof. Dr. Pe. Waldecir Gonzaga (PUC-RIO), editor-chefe da revista, destacou que o periódico tem caráter transdisciplinar e receberá trabalhos das nove áreas da CAPES que se relacionem com humanismo solidário cristão.  A revista tem um qualificado corpo editorial com pesquisadores nacionais e internacionais e receberá artigos que poderão ser publicados em cinco idiomas: português, espanhol, inglês, italiano e francês. É possível acessá-la através do site https://revistaphs.catolicosnaciencia.org.br/ 

A próxima edição do evento está prevista para 2023, na região sul do país. As palestras plenárias e mesas temáticas estão disponíveis no canal da SBCC no Youtube

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.